Como é o trabalho das cooperativas que fazem reciclagem de Drinkfinity
abhc
Coopercaps, uma das cooperativas associadas ao Reciclo Pepsico. Imagem: Divulgação
Drinkfinity >

Como é o trabalho com as cooperativas que fazem reciclagem dos pods de Drinkfinity

Kaluan Bernardo em 2 de outubro de 2016

Você sabia que os seus pods de Drinkfinity podem ser usados na reciclagem e ainda te rendem descontos de 25% em suas próximas compras? Basta leva-los às lojas físicas da Drinkfinity em São Paulo – que ficam no Shopping Eldorado, no Shopping Morumbi e no Shopping Pátio Paulista.

A reciclagem de Drinkfinity, como já contamos, faz parte de um programa chamado Reciclagem PepsiCo, feito pela PepsiCo, detentora da Drinkfinity, junto com a Gaia Social, uma organização focada em capacitação social.

Juntos, eles oferecem treinamentos, seminários e cursos para que os catadores das cooperativas possam ter visão de médio e longo prazo, se organizem, consigam gerir melhor as cooperativas e negociem melhor seus produtos – os resíduos sólidos para reciclagem.

Como promover a reciclagem e a autonomia

Se de um lado a Pepsico entra na iniciativa financiando o programa e imprimindo sua visão de negócio, a Gaia Social faz a interface com as cooperativas e coloca seu conhecimento técnico em campo para promovê-las.

Conversamos com Lusimar Guimarães, gerente de projetos da Gaia Social, diretamente envolvido no projeto da Rede de Comercialização Zona Sul, que apoia a capacitação das cooperativas na capital de São Paulo.

O programa existe desde 2013 e já mudou consideravelmente a vida dos cooperados. Se no início a renda média deles era de R$ 591, em 2015 foi para R$ 762. Em cooperativas mais desenvolvidas, a renda pode chegar a R$ 1.500, diz Lusimar.

A parceria entre Pepsico e Gaia Social surgiu, em parte, por conta da Política Nacional de Resíduos Sólidos, que cobra das empresas iniciativas relacionadas ao tratamento do lixo que seus produtos geram.

Leia mais: Drinkfinity vale a pena?

“A Pepsico queria ir além da reciclagem e queria fazer um trabalho de inclusão social de pessoas de baixa renda”, diz Lusimar, explicando o interesse em capacitar cooperativas. Ele explica que o objetivo do programa é a profissionalização dos cooperados:

Quando chegamos, havia muito uma coisa de acharem que íamos dar algo, uma visão muito assistencialista. E o objetivo era desconstruir isso e criar a ideia de emancipação, autonomia e reciprocidade e equilíbrio dos catadores com o mercado.

Afinal, a cooperativa é um negócio. Ela pode ser produtiva. Os catadores têm um produto, que é o resíduo sólido, e têm um mercado de empresas de reciclagem para a qual eles podem fornecer esses produtos. “Temos uma cadeia produtiva se consolidando”, declara Lusimar.

Segundo o gerente de projetos, a capacitação dos líderes das cooperativas leva ao aumento de produtividade, ao engajamento com o negócio e à gestão da logística, fazendo com que eles consigam ganhar mais.

Ainda há muitos desafios, é claro. “No geral, as pessoas têm muita deficiência na educação – muitas não foram alfabetizadas. Além disso, a cooperativa não é um empreendimento comum. Você não cria porque é um sonho. Normalmente elas são montadas por terceiros, como prefeitura e organizações sociais. As pessoas vão lá para sobreviver, não porque é uma paixão”, diz Lusimar, afirmando que o desafio é mostrar para elas como transformar esse cenário em um negócio que pode crescer.

Até 2020, a Pepsico pretende desenvolver mais as cooperativas para que consiga capacitar mais os catadores. Hoje, ela diz que a coleta seletiva beneficia 1,3 milhão de pessoas. São ao menos 266 profissionais diretamente impactados pela parceria com as cooperativas, sendo 63% mulheres e com idade média de 39 anos.

Dentro do programa, são recicladas aproximadamente 100 toneladas de material por mês, fazendo com que as cooperativas tenham receita de aproximadamente R$ 45 mil mensais. Ainda neste ano, o programa pretende aumentar o volume par 120 toneladas mensais.

Gostou deste post? Que tal compartilhar:
Últimos
Trend Tags
Array ( [0] => 76 [1] => 222 [2] => 237 [3] => 115 [4] => 17 [5] => 238 [6] => 92 [7] => 125 [8] => 173 [9] => 16 [10] => 276 [11] => 157 [12] => 25 [13] => 66 [14] => 67 [15] => 62 [16] => 153 [17] => 127 [18] => 12 [19] => 19 [20] => 187 [21] => 69 [22] => 154 [23] => 175 )
Vídeos
Copyright © 2016 Free the Essence