Vivian Telles dá dicas de hidratação para encarar o montanhismo
Vivian Telles
Foto: Reprodução/Site
Drinkfinity >

Atleta do montanhismo, Vivian Telles dá dicas de hidratação para a subida

Redação em 29 de setembro de 2017

Há cerca de quatro anos, a atleta Vivian Telles começou a se dedicar ao montanhismo. Nascida em Teresópolis (RJ), a capital nacional da modalidade, ela cresceu em meio aos alpinistas que chegavam de diversas partes do mundo para desafiar o pico de Dedo de Deus – marco do esporte brasileiro.

“Hoje vivo no Rio de Janeiro, mas quase nem vou à praia. Minha paixão são as montanhas”, comenta. Para enfrentar as longas caminhadas e trilhas mais áridas, Vivian conta com uma ajuda extra: os Pods de Drinkfinity, que garantem energia extra e reposição adequada de sais minerais e água.

Montanhismo intensivo

Desde que saiu de Teresópolis para morar no Rio de Janeiro, há mais de uma década, Vivian fazia trilhas apenas “de brincadeira”, como costuma dizer. “Não era montanhismo de verdade, nunca tinha pernoitado ou me preparado para longas caminhadas”, explica. Há quatro anos, no entanto, ela se juntou a um grupo de esportistas que dividiam a mesma paixão: trekking, escalada e alpinismo. “No começo, a gente precisava chamar algumas pessoas para engrossar o grupo antes de subirmos. Depois de pouco tempo, não dava mais para chamar ninguém, porque muita gente passou a nos procurar”, relembra.

A turma hoje é o Trilhando Montanhas e Vivian se dedica cada vez mais ao esporte. Seu primeiro grande desafio foi a travessia Petrópolis – Teresópolis, que tem 30 quilômetros e ela concluiu em dois dias. “Minha escalada é esportiva. Levo equipamentos e faço as trilhas tradicionais, só subo montanhas”, comenta. No começo do ano, a atleta largou o emprego como supervisora de vendas para se dedicar exclusivamente ao esporte. “O montanhismo é um estilo de vida. Eu sou movida por desafios, por superar meus limites. Sempre volto de uma trilha renovada”, explica.

Em julho, ela realizou um de seus maiores sonhos: escalar o Dedo de Deus, um dos picos mais emblemáticos e perigosos do país. Para isso, se preparou durante seis meses com cursos, como o de escalada, e treinos. “Foram oito horas até o cume, em uma trilha muito perigosa, mas eu estava preparada e consegui realizar um sonho de infância”, conta.

No mesmo mês, ela seguiu uma agenda intensa de trilhas. Percorreu ainda Travessia dos Olhos de Pedra da Gávea, Morro do Açu e Cabeça de Peixe, um roteiro que inclui os principais picos de Teresópolis, região serrana do Rio de Janeiro.

Agora, o próximo desafio de Vivian é desbravar as montanhas de três países vizinhos. Durante 30 dias, ela vai caminhar por caminhos que ainda desconhece na Bolívia, Chile e Peru. “Essa será minha primeira experiência com o esporte no exterior, vou sozinha e livre para procurar as melhores trilhas”, conta.

Drinkfinity no montanhismo

Composto por uma garrafa reutilizável de design exclusivo chamada Vessel (livre de BPA) e por cápsulas que dá sabor à água, os Pods, o sistema da Drinkfinity é uma ótima opção para atletas que precisam de energia extra ou de reposição de minerais. Os Pods são encontrados em quatro linhas diferentes. A Energy contém cafeína e complexo B, é indicada para quem precisa de mais disposição e pode ser encontrada nos sabores grapefruit erva-mate, romã ameixa e maça guaraná.

O Exercise and Play é indicado para atletas como Vivian ou mesmo quem treina diariamente. Com função de suplemento hidroeletrolítico, tem os sabores grapefruit erva-mate, limão gengibre e maçã guaraná.

LEIA MAIS
Como desmontar e limpar o seu Vessel de Drinkfinity
LEIA MAIS
Esportes que você pode praticar na praia com seu Drinkfinity

Já os Pods Live Your Day são fonte de vitamina C e zinco, nutrientes fundamentais na prevenção de doenças, fortalecimento do sistema imunológico, melhora da performance física e para a saúde do coração. Os sabores disponíveis são limão gengibre, abacaxi pitaia e banana açaí.

Ideal para quem busca relaxar e fazer uma pauta em um dia produtivo, a linha Take a Break é feita com camomila e cidreira e pode ser encontrado nas versões pêssego branco, tropical ginger e uva amora.

“Como o corpo ainda está meio preguiçoso pela manhã, tomo uma cápsula Energy para aumentar a disposição inicial. E no meio do percurso, para garantir meu rendimento até o final, faço uma reposição eletrolítica com uma segunda cápsula”, comenta Vivian. Além de ajudar na performance, os Pods ainda representam uma vantagem extra para quem pratica caminhada: são pequenos e fáceis de carregar.

Sempre levei bebidas energéticas para dar um gás extra ou para fazer a reposição de sais minerais, mas esses produtos são encontrados já diluídos na água, o que é um peso a mais.

“No montanhismo, é fundamental não carregar peso em excesso, por isso, a praticidade das cápsulas é uma vantagem muito importante”, diz Vivian Telles.

Gostou deste post? Que tal compartilhar:
ESCOLHA DO EDITOR
Últimos
Trend Tags
Array ( [0] => 205 [1] => 76 [2] => 12 [3] => 237 [4] => 97 [5] => 249 [6] => 222 [7] => 62 [8] => 157 [9] => 276 [10] => 259 [11] => 86 [12] => 267 [13] => 94 [14] => 68 [15] => 16 [16] => 167 [17] => 115 [18] => 186 [19] => 17 [20] => 102 [21] => 173 [22] => 238 [23] => 175 [24] => 92 )
Vídeos
Copyright © 2016 Free the Essence