Aplicativos como o WhatsApp e como eles se diferem
aplicativos-como-o-whatsapp
Foto: Istock/Getty Images
Inovação > Comunicação

Aplicativos como o WhatsApp e a diferença entre eles

Pedro Katchborian em 21 de julho de 2016

A impotência diante de mais um bloqueio do WhatsApp mais uma vez desesperou usuários do app. Como tem acontecido após determinações judiciais que impedem o uso do aplicativo, pessoas se voltaram ao Google Play e a App Store para procurar outros aplicativos como o WhatsApp.

screenshot de tela do computador com sites do whatsapp, viber e wechat

Foto: Istock/Getty Images

Em termos gerais, o bloqueio do aplicativo pela Justiça junto às empresas de telecomunicações vem sendo feito sob a mesma alegação: a de que o app não está colaborando ao se negar a fornecer dados para uma investigação policial.

Segundo o Facebook, dono do WhatsApp, a empresa não pode cumprir as determinações por “impossibilidades técnicas”. Vale lembrar que desde abril de 2016 todas as mensagens do aplicativo são criptografadas de ponta-a-ponta. Ou seja: a mensagem é codificada ao sair do celular da pessoa e só é decodificada no telefone de quem recebe. A tecnologia dificulta o cumprimento das ordens judiciais, já que a empresa não tem acesso ao conteúdo das mensagens que passam pelos os seus servidores.

As diferenças dos aplicativos como o WhatsApp

Telegram

screeshot do aplicativo telegram

Telegram. Foto: Reprodução

Já queridinho de alguns, o Telegram é um aplicativo russo de mensagens que tem se beneficiado com os recorrentes bloqueios do WhatsApp. Segundo a empresa, um só bloqueio do WhatsApp rendeu mais de 1 milhão de novos usuários ao Telegram.

A interface simples, a performance rápida e a segurança do aplicativo tem chamado a atenção de quem migra do WhatsApp para o Telegram. O app também tem mensagens criptografas de ponta-a-ponta. O problema é que o app pode não ser tão seguro quanto parece, como mostra o Gizmodo. A maioria dos usuários pensa que a criptografia de ponta-a-ponta já está habilitada, mas é necessário mudar nas configurações.

Leia mais:
Qual é o futuro dos aplicativos?
Qual é a diferença entre os principais aplicativos de relacionamento?

Toda vez que ocorre o bloqueio do WhatsApp no Brasil, o Telegram sofre para cadastrar usuários, já que é feita uma verificação via SMS e o sistema não suporta mandar tantos SMS de uma vez. No total, a ferramenta tem mais de 100 milhões de usuários ativos. O aplicativo está disponível para iOSAndroid e Windows Phone.

WeChat

Outro aplicativo que concorre com o WhatsApp e que já tem uma base sólida de usuários é o WeChat, app chinês de mensagens instantâneas. Segundo a desenvolvedora Tencent, são mais de 700 milhões de usuários ativos, sendo que 70 milhões são fora da China. No Brasil, as funções do app são bem semelhantes as do WhatsApp.

Na China, o aplicativo se destaca pelo WeChat Pay, um sistema que permite que usuários coloquem fundos em uma carteira digital e transfiram dinheiro para amigos e paguem por mercadorias online. A ferramenta de pagamento também está presente na Europa, América do Norte e Oceania. A intenção da empresa é que o serviço seja expandido de maneira global. Disponível para AndroidiOS e Windows Phone.

Facebook Messenger

screenshot do aplicativo messenger

Messenger. Foto: Reprodução

O grande trunfo do Facebook Messenger para concorrer com o WhatsApp é o número do usuários. Desde 2015, o Facebook obrigou todos os usuários a baixarem o aplicativo para se comunicar pela rede social. Portanto, se existe uma preocupação dos outros aplicativos como o WhatsApp de não terem uma base de usuários, o mesmo não se pode dizer do Facebook Messenger.

Assim como o Telegram e o WhatsApp, o Facebook também poderá ter mensagens criptografadas de ponta-a-ponta, mas caberá ao usuário habilitar a função. Atualmente, esse “chat secreto” está em fase de testes e será expandida para o público em geral em breve. Disponível para iOS, Android e Windows Phone.

Viber

viber

O grande diferencial do Viber é a possibilidade dos grupos abertos, utilizados para que pessoas possam apenas visualizar conversas, uma ferramenta usada por veículos de comunicação e celebridades.

Fora isso, o Viber tem funções parecidas com o WhatsApp, como envio de mensagens de texto, fotos, vídeos e a possibilidade de fazer chamadas pela internet. O aplicativo também tenta fisgar os usuários oferecendo uma grande variedade de stickers. Disponível para iOS, Android e Windows Phone.

Gostou deste post? Que tal compartilhar:
Últimos
Trend Tags
Array ( [0] => 76 [1] => 222 [2] => 237 [3] => 115 [4] => 17 [5] => 238 [6] => 92 [7] => 125 [8] => 173 [9] => 16 [10] => 276 [11] => 157 [12] => 25 [13] => 66 [14] => 67 [15] => 62 [16] => 153 [17] => 127 [18] => 12 [19] => 19 [20] => 187 [21] => 69 [22] => 154 [23] => 172 )
Vídeos
Copyright © 2016 Free the Essence