David McCandless e a beleza na visualização de dados
David McCandless em palestra TED. Foto: Reprodução
Inovação > Comunicação

David McCandless e a beleza na visualização de dados

Redação em 19 de abril de 2016

O designer e jornalista David McCandless aposta na beleza da visualização de dados para lidar com o excesso de informações na era digital. Ele é fundador da empresa Information is Beautiful, cujo objetivo, de acordo com o site, é “destilar os dados, informações e conhecimentos do mundo para transformá-los em belos, interessantes e, sobretudo, úteis gráficos e diagramas”.

Para McCandless, dados bem organizados em tabelas que usam formatos e cores diferentes nos ajudam a entender melhor o mundo, de maneira mais didática, e a enxergar padrões e relações entre os fatos. McCandless disse em sua palestra no TED:

Parece que estamos sofrendo de excesso de informação ou abundância de dados. A boa notícia é que pode haver uma solução fácil para isso. E é usarmos mais os olhos.

 

Ao visualizar a informação, podemos perceber os padrões que interessam e, assim, projetá-las de maneira que faça mais sentido. O foco é destinado para o que é realmente importante.

As histórias são contadas por meio de imagens que, com suas cores e dimensões, revelam mais do que os números sozinhos. Quando a informação é interessante e bem apresentada, ela se torna bela.

McCandless descobriu esse talento para organizar dados visualmente enquanto trabalhava em uma extensa pesquisa sobre um assunto denso: criacionismo versus teoria evolutiva. Afundado em papéis e textos, decidiu criar um mapa que o permitisse agrupar melhor tudo o que era importante. Deu certo.

Informação visual baseada em informações consistentes

O jornalista chama atenção para o fato de que a pesquisa, e não o design, é o passo inicial. “A informação não pode depender do design e, por isso, a criação visual só aparece quando a pesquisa já está feita”, disse, em entrevista ao Estadão em 2011. “O caminho é de baixo para cima. Informação, conceito, desenho”, explica.

As pesquisas devem ser levadas a sério e reunir informações verdadeiras e pertinentes. Para ele, a imagem vem carregada de muito impacto e, por isso, as informações contidas nela são quase sempre vistas como verdades indiscutíveis.

infográfico sobre drogas no Reino Unido

Se as drogas fossem legalizadas no Reino Unido, quantas taxas o governo recolheria? Imagem: Reprodução

Assim como qualquer outro trabalho jornalístico, a qualidade do produto final depende da apuração. O raciocínio é o mesmo: informações consistentes, sozinhas, já são fortes. O desafio é organizá-las de forma clara e objetiva.

Aprofundando na visualização de dados de McCandless

Sua primeira obra sobre o assunto, em 2009, foi The Visual Miscellaneum. Ela trouxe olhar inovador sobre a era da informação. Com poucas palavras, ajuda os leitores a fazerem relações entre os tantos dados bombardeados diariamente por todos os meios de comunicação.

Em 2010, veio Information Is Beautiful. Os dados, organizados em belas figuras, mostram como o mundo funciona. Em 2014, veio o terceiro e mais recente, Knowledge is Beautiful, no qual leva a visualização de dados para novo patamar. A obra é praticamente uma evolução da anterior. Cobre os mais diversos assuntos, desde raças de cães até as complexas relações do Oriente Médio.

Em seu blog, David expõe suas pesquisas sobre visualização de dados e tira dúvidas dos leitores. Confere lá e conta pra gente o que achou.

Gostou deste post? Que tal compartilhar:
Últimos
Trend Tags
Array ( [0] => 76 [1] => 222 [2] => 237 [3] => 115 [4] => 17 [5] => 238 [6] => 92 [7] => 125 [8] => 173 [9] => 16 [10] => 276 [11] => 157 [12] => 25 [13] => 66 [14] => 67 [15] => 62 [16] => 153 [17] => 127 [18] => 12 [19] => 19 [20] => 187 [21] => 69 [22] => 154 [23] => 172 )
Vídeos
Copyright © 2016 Free the Essence