Tinder cria algoritmo para aumentar número de matchs
tinder
Foto: Istock/Getty Images
Inovação > Comunicação

Tinder cria algoritmo para aumentar número de matchs

Camila Luz em 13 de outubro de 2016

Quem usa o Tinder poderá ter mais chances de dar match. O novo algoritmo desenvolvido pelo aplicativo, Smart Photos, analisa as fotos do perfil e escolhe a que tem mais potencial de ser aprovada pelos outros usuários. Consequentemente, possibilita novos encontros.

Até o desenvolvimento do novo algoritmo, usuários do Tinder precisavam contar com o bom e velho narcisismo para determinar qual foto poderia chamar mais atenção. Nem todo mundo é bem sucedido nessa saga e tem um número reduzido de matchs. O “Smart Photos” vem para ajudar a resolver o problema desses usuários.

tela do tinder ensinando como usar o Smart Photos

Foto: Divulgação

No aplicativo, deslizar o dedo para a direita sobre a foto equivale a curti-la. Deslizar para a esquerda dispensa  aquela pessoa. Em anúncio, um porta-voz da companhia disse que o funcionamento do novo algoritmo é simples, como reporta o site Independent UK: “É simples: Smart Photos alterna a primeira foto vista pelos outros quando seu perfil aparece no Tinder, nota a resposta de swipes (deslizar o dedo para direita ou esquerda) e reordena suas fotos para mostrar as melhores primeiro. Em testes, usuários notaram um aumento de 12% nos matches”.

O algoritmo vai testar o desempenho das fotos com frequência, para que a melhor de todas sempre seja a primeira a aparecer. “Pense em nós como um time de pesquisa de dados. ‘Qual é o meu melhor lado? Posar com o meu cachorro de estimação melhora o meu jogo?’ Com o Smart Photos da Tinder, você terá essas respostas”, disse o porta-voz.

Hinge, o Tinder para quem quer namorar

O Tinder é um dos aplicativos de relacionamento mais usados no mundo e tem cerca de 50 milhões de usuários.  A sua fórmula funciona bem, mas não é a única que faz sucesso. O Hinge, lançado seis meses depois do famoso aplicativo, em fevereiro de 2013, mudou a sua cara para se tornar uma espécie de “anti-Tinder”.

A princípio, o Hinge funcionava da mesma forma: deslize para a esquerda para rejeitar, deslize para a direita para curtir. Mas era menos superficial e mostrava ao usuários apenas amigos de contatos do Facebook. A partir de outubro deste ano, os usuários poderão criar uma “história” em seu perfil para que outras pessoas comentem e curtam.

O Hinge é basicamente um aplicativo de relacionamentos que se disfarça de rede social para tornar o processo de escolha de parceiro um pouco mais natural. Os usuários poderão rolar as fotos dos potenciais encontros e ler textos que devem resumir em 300 caracteres algo como aspirações, sonhos e personalidade. Ao invés de iniciar uma conversa, a demonstração de interesse poderá ser feita de forma mais suave, através de comentários ou da própria curtida.  Esses comentários não são públicos, para evitar hesitações.

O objetivo é funcionar como um aplicativo para pessoas interessadas em namoro e eliminar aquelas que passam um tempão conversando, mas nunca realmente marcam um encontro. O Hinge, no entanto, passará a cobrar US$ 7 de seus usuários e ainda não está disponível no Brasil.

The Dating Apocalypse from Hinge on Vimeo.

Aplicativos de relacionamento para quem quer só sexo

Se o seu objetivo não é namorar, e sim ter encontros casuais que durem apenas uma noite, há outros aplicativos que funcionam no Brasil e cumprem bem esse papel. O Down se baseia na sua localização para mostrar 10 matchs em potencial todos os dias. Você ainda pode especificar se quer ter um encontro ou se só está buscando alguém para fazer sexo.

O Blendr é um aplicativo de chats destinado a pessoas hétero solteiras que buscam parceiros que estejam por perto e queiram se divertir sem se comprometer. O Happn, bastante usado no Brasil, funciona de forma parecida. Ele mostra potenciais dates nas redondezas e indica quantas vezes seus caminhos se cruzaram.


O Pure é feito para quem realmente quer ir direto ao ponto, sem enrolação. Tudo que o usuário precisa fazer é upload de uma foto de perfil e curtir as pessoas que chamaram atenção. Match dado, aparece uma janela de chat que dura apenas uma hora, para evitar conversas infinitas que deixam ambas as partes frustradas. O objetivo é realmente combinar um encontro em breve – no mesmo dia, se possível – que leve aos finalmentes.

Já o Whiplr vai um pouco além. Ele é feito para que usuários com os mesmos fetiches sexuais se encontrem. O aplicativo permite selecionar quais tipos de fetiches você tem e quais você quer que seu parceiro tenha antes de começar a conversa. Ele é anônimo e privado e todo o conteúdo compartilhado, como nudes, pode ser deletado.

Gostou deste post? Que tal compartilhar:
Últimos
Trend Tags
Array ( [0] => 76 [1] => 222 [2] => 237 [3] => 115 [4] => 17 [5] => 238 [6] => 92 [7] => 125 [8] => 173 [9] => 16 [10] => 276 [11] => 157 [12] => 25 [13] => 66 [14] => 67 [15] => 62 [16] => 153 [17] => 127 [18] => 12 [19] => 19 [20] => 187 [21] => 69 [22] => 154 [23] => 175 )
Vídeos
Copyright © 2016 Free the Essence