Células-tronco podem acabar com tratamento de canal dentário
tratamento de canal
Foto: Istock/Getty Images
Inovação > Saúde

Experimento com células-tronco pode acabar com tratamento de canal dentário

Pedro Katchborian em 18 de julho de 2016

Considerado o terror dos pacientes em consultórios de dentistas, o tratamento de canal pode estar com os seus dias contados. Uma nova descoberta das Universidades de Nottingham e Harvard pode eliminar a necessidade desse tipo de tratamento. A pesquisa envolve enchimentos dentários regenerativos, que permitem que os dentes se curem sozinhos.

A descoberta ganhou um prêmio da Royal Society of Chemistry depois que os juízes descreveram a pesquisa como um novo paradigma para os tratamentos dentários.

O enchimento dentário funciona ao estimular as células-tronco para o crescimento de dentina, material de que é feito o dente, permitindo que pacientes tenham seus dentes danificados de volta.

Esse passo também pode modificar a maneira que as cáries são tratadas, já que o tratamento de canal costuma ser necessário quando a massa que substitui a cárie não é suficiente para a cura. “Os preenchimentos existentes no mercado são tóxicos para as células e incompatíveis com o tecido dentro do dente”, disse Adam Celiz, pesquisador da Universidade de Nottingham, para a Newsweek.

raio-x de dentes com médico apontando caneta para dente

Foto: Istock/Getty Images

“Nós fabricamos biomateriais sintéticos similares aos enchimentos dentários, mas que podem ser colocados diretamente em contato com o tecido pulpar para estimar as células-tronco nativas para reparo e regeneração do tecido pulpar e da dentina”, completa Adam. Agora, a ideia é desenvolver a técnica com parceiros da indústria para disponibilizar a novidade para os pacientes e acabar com o tratamento de canal. Kyle Vinig, da Universidade de Harvard, afirmou. “Estamos ansiosos que os biomateriais possam trazer a medicina regenerativa para restaurar os dentes”, explica.

David Mooney, também de Harvard, disse: “Esses materiais podem prover uma abordagem prática e efetiva para permitir que os pacientes regenerem os componentes de seus próprios dentes”.

Outras novidades além do tratamento de canal

Um dos sons mais assustadores de todos é o barulho da maquininha do dentista para tirar uma cárie. Mas agora pode existir uma alternativa: há um líquido que pode ser escovado nas cáries e tudo pode ser resolvido sem dor.

Leia mais:
Cientistas gravam dados em bactérias e as transformam em HDs
Como o faça você mesmo está chegando aos biohackers

O líquido é o diamino fluoreto de prata e está disponível há décadas no Japão. Nos Estados Unidos, a novidade chegou há apenas um ano. A FDA, órgão que regula a alimentação e medicação nos EUA, aprovou o uso para limpar os dentes, mas estudos mostraram que ele pode impedir a progressão das cáries.

via GIPHY

“A grande vantagem é que você não precisa da máquina e de uma injeção”, disse a Dr. Margherita Fontana, professora da Universidade de Michigan. Richard Niederman, presidente do New York University College of Dentistry, também falou sobre os benefícios. “Conseguir tratar em 30 segundos, sem barulho e sem máquina é melhor, mais rápido e mais barato“, falou ao NY Times. Enquanto uma cárie que precisa de máquina tem um custo médio de US$ 151, o líquido é bem mais barato: US$ 25.

O NY Times ressalta que o tratamento não é perfeito. Cáries muito profundas ainda precisam do enchimento tradicional, sendo que pessoas com alergia a prata também não podem receber a novidade. Mas quem sabe no futuro as células-troncos não dão um jeito nisso tudo, não é mesmo?

Gostou deste post? Que tal compartilhar:
Últimos
Trend Tags
Array ( [0] => 76 [1] => 222 [2] => 237 [3] => 115 [4] => 17 [5] => 238 [6] => 92 [7] => 125 [8] => 173 [9] => 16 [10] => 276 [11] => 25 [12] => 157 [13] => 66 [14] => 67 [15] => 62 [16] => 153 [17] => 127 [18] => 12 [19] => 19 [20] => 187 [21] => 69 [22] => 154 [23] => 175 )
Vídeos
Copyright © 2016 Free the Essence