Inteligência artificial: Japão constrói computador mais rápido do mundo
inteligência artificial
Foto: Istock/Getty Images
Inovação > Tecnologia

AI: Japão quer construir computador mais rápido do mundo

Camila Luz em 29 de novembro de 2016

O Japão deu início a um ambicioso projeto para construir o computador mais rápido do mundo até o final de 2017. O AI Bridgind Cloud (AIBC) poderá ajudar cientistas do país a criar ou aperfeiçoar tecnologias de inteligência artificial, para trazer avanços em áreas como a de carros autônomos, robótica e análise de dados para medicina.

O desafio não vai sair barato, porém: será preciso investir cerca de US$ 173 milhões no projeto. Segundo o site da BBC, o AIBC deverá ter velocidade de 130 quatrilhão por segundo (130 petaflops). Se atingir esse objetivo, será mais rápido do que a máquina chinesa Sunway Taihulight, que faz 93 petaflops e hoje detém o título de mais rápido do mundo.

“Pelo que eu saiba, não há nada assim tão rápido no mundo”, disse Satoshi Sekiguchi, chefe do Japan’s National Institute of Advanced Industrial Science and Technology, segundo a BBC. O AIBC faz parte de um programa do governo japonês para ajudar o país a restaurar sua reputação nos campos da ciência e tecnologia e a investir em mercados em crescimento, como energia renovável e robótica.

Toda essa velocidade é desejável para inúmeras áreas da computação, mas é a inteligência artificial que poderá se beneficiar mais e trazer retornos para a sociedade. Cientistas esperam que máquinas que fazem cálculos mais rápidos sejam capazes de “imitar” com eficiência os caminhos neurais do nosso cérebro, ajudando no avanço da tecnologia de aprendizagem profunda.

Inteligência artificial e carros autônomos

Ao “imitar” os caminhos neurais feitos pelo cérebro humano, computadores ganham a capacidade de desenvolver novas tarefas e analisar dados em grandes quantidades.

No campo da automação, o AIBC poderia ajudar empresas a aperfeiçoar carros autônomos, para que possam trafegar pelas ruas de forma mais segura do que veículos com condutor. Por meio da inteligência artificial, esses carros poderiam aprender a reagir quando o inesperado acontece, como acidentes de trânsito e obstáculos nas ruas.

Este ano, a Uber liberou carros autônomos para testes nas ruas de Pittsburgo, nos Estados Unidos. O jornalista Signer Brewster, do site TechCrunch, participou de um dos testes e deu seu relato. Afirmou que foi preciso assumir o controle da direção quando ocorreram alguns incidentes, como um caminhão estacionado na faixa onde estavam. Para ele, a inteligência artificial ainda precisa ser aprimorada para que um passageiro possa aproveitar o trajeto tranquilo.

O novo computador japonês também poderá ajudar fábricas a melhorar a automação dos veículos ou a desenvolver sistemas avançados que trabalhem com dados de tráfego.

Inteligência artificial e a análise de dados na medicina

No campo da medicina, o AIBC poderá ter papel importante na análise de dados, já apontada como principal saída para prever condições de saúde, identificar padrões e curar doenças como o câncer.

Foto: Istock/Getty Images

Foto: Istock/Getty Images

Para o matemático especialista em biologia molecular e computacional Eric Schadt, a análise de dados genéticos é a melhor resposta para prever e curar o câncer e outros distúrbios graves. O sequenciamento genético, combinado com o processamento de dados feito por máquinas inteligentes, possibilitou maior compreensão do genoma humano nas últimas décadas. No entanto, para maiores avanços, é preciso reunir uma quantidade exorbitante de dados, medida em exabyte (unidade de medida digital que equivale a um quintilhão de bytes).

Schadt criou sua própria empresa de dados genéticos, a Sema4, que pretende adquirir outras companhias especializadas na aquisição dessas informações. Além de reuni-las, será preciso processá-las para identificar padrões e encontrar respostas para curas e formas de prevenção. Saiba mais aqui.

O computador mais rápido do mundo poderá trazer a tecnologia de inteligência artificial necessária para fazer essas análises, diagnósticos médicos e também trabalhar em novos remédios e processos de cura.

Gostou deste post? Que tal compartilhar:
Últimos
Trend Tags
Array ( [0] => 76 [1] => 222 [2] => 237 [3] => 115 [4] => 17 [5] => 238 [6] => 92 [7] => 125 [8] => 173 [9] => 16 [10] => 276 [11] => 25 [12] => 66 [13] => 67 [14] => 157 [15] => 62 [16] => 153 [17] => 127 [18] => 12 [19] => 19 [20] => 187 [21] => 69 [22] => 154 [23] => 175 )
Vídeos
Copyright © 2016 Free the Essence