Aplicativo vai trazer economia compartilhada para dentro de casa
nortepark_economia-compartilhada
Norte Park Foto: Divulgação
Nova Economia > Consumo Colaborativo

Aplicativo vai trazer economia compartilhada para dentro de condomínio

Pedro Katchborian em 4 de novembro de 2016

Um empreendimento em Londrina, no norte do Paraná, quer democratizar a economia compartilhada. O Norte Park Residence, parte do programa Minha Casa, Minha Vida, será inaugurado em dezembro de 2016. Uma das grandes novidades do imóvel é um aplicativo chamado Compartycon, que vai permitir a viabilização da economia compartilhada aos moradores do condomínio.

Leonardo Yoshii

Leonardo Yoshii Foto: Divulgação

O imóvel foi construído pela Yticon. Leonardo Yoshii, presidente da empresa, falou da importância da economia compartilhada. “A ideia é incorporar esse conceito em todos os nossos empreendimentos e o Norte Park será o primeiro“, afirma Leonardo. Inicialmente, o aplicativo vai permitir quatro funções: o compartilhamento de bicicletas, o compartilhamento de ferramentas, a organização de caronas entre moradores e o aluguel de material esportivo. “Traz um benefício econômico e sustentável”, diz. “O compartilhamento de veículo gera menos impacto no trânsito e na poluição”, completa.

Leonardo afirma que o aplicativo pode trazer mais ferramentas com o tempo. “Esse é a nossa primeira experiência e nós estamos estudando outras oportunidades”, destaca. A ideia de um aplicativo de economia compartilhada surgiu com referências de fora do Brasil e também nacionais, mas é a primeira que envolve o Minha Casa, Minha Vida.

Norte Park Foto: Divulgação

Norte Park Foto: Divulgação

O mais importante para Leonardo é que a ideia não seja apenas uma jogada de marketing. “Fizemos vários testes para que fosse uma oferta consistente, para que não fosse algo apenas de marketing. A ideia é estar evoluindo”, explica.

Sobre como esse modelo de condomínio pode servir de exemplo para áreas urbanas e geridas pela prefeitura, Leonardo acha que é algo sim possível. “Esse modelo está dando certo. As pessoas estão buscando soluções de transporte e querendo algo mais sustentável“, explica.

Para Leonardo, quem se tornar morador do Norte Park terá tudo para usufruir desse modelo de negócio. “O público costuma ser jovem, muitas vezes um profissional que está iniciando a carreira. É um público que tem tudo a ver com a economia colaborativa e absorve facilmente esse conceito. Estamos democratizando a moradia e trazendo conceitos que melhoram ainda mais a qualidade da vida”, completa.

Democratização da economia compartilhada é objetivo

Por mais que a economia compartilhada traga o conceito de que é possível gastar menos dinheiro, muito se discute o seu papel em uma sociedade desigual. Como parte desse modelo de negócio acaba não chegando a classes mais baixas da população, há quem diga que ele só piora a situação. Aliás, um estudo de 2016 da Boston College afirma que, de fato, a economia compartilhada promove a desigualdade entre os 80% mais pobres da população.

Segundo o estudo, que analisou os ganhos de pessoas utilizando diferentes ferramentas como o Airbnb, os praticantes da economia compartilhada são “altamente educados, profissionais e que estão usando as plataformas para aumentar os seus ganhos“, diz.

A Uber, por exemplo, percebeu que muitas pessoas deixavam de se cadastrar no aplicativo quando precisavam colocar as informações do cartão de crédito. Por isso, resolveu começar a tentar ampliar o seu mercado e passou a aceitar dinheiro em algumas cidades do Brasil. A ideia, segundo a empresa, é atingir um público-alvo maior e ajudar a democratizar a economia compartilhada. E, sendo assim, inverter esse jogo de que só os mais ricos ganham com ela.

Gostou deste post? Que tal compartilhar:
Últimos
Trend Tags
Array ( [0] => 76 [1] => 222 [2] => 237 [3] => 115 [4] => 17 [5] => 238 [6] => 92 [7] => 125 [8] => 173 [9] => 16 [10] => 276 [11] => 25 [12] => 66 [13] => 67 [14] => 157 [15] => 62 [16] => 153 [17] => 127 [18] => 12 [19] => 19 [20] => 187 [21] => 69 [22] => 154 [23] => 175 )
Vídeos
Copyright © 2016 Free the Essence