Pipa Studios e o bingo online: o game que seus pais e avós jogam
bingo online
Foto: Istock/Getty Images
Nova Economia > Criativos

Pipa Studios e o bingo online: o game que seus pais e avós jogam

Camila Luz em 26 de janeiro de 2017

O bingo é ilegal no Brasil desde 2006, mas ainda há adultos e idosos que se divertem tentando preencher as cartelas em troca de prêmios. A diferença é que os salões de clubes e pátios de igreja foram substituídos por salas virtuais, onde jogadores se encontram com frequência para jogar bingo online.

Há games para smartphones e redes sociais que funcionam como o “Candy Crush”: só são pagos caso o jogador queira comprar mais vidas (ou cartelas). Caso não queira pagar, deve esperar um certo número de horas até poder jogar de graça novamente. Além disso, o usuário nunca recebe dinheiro dentro do jogo.

LEIA MAIS
7 games que tratam de depressão e também de ansiedade
LEIA MAIS
5 games de realidade aumentada além de Pokemon Go

O Praia Bingo, desenvolvido pela Pipa Studios, é um dos games mais famosos entre os jogos de azar online. Pedro Moraes, sócio-fundador da startup, explica por que seu jogo não é ilegal no Brasil:

“O gambling (jogo de azar) é ilegal. Mas o nosso é o freemium, ou seja, o jogador paga se quiser. Por exemplo, acabaram as fichas do dia, mas ele quer continuar jogando. Ou quer jogar com mais cartelas, mais poderes, mais potência. Se ele quiser, paga. Mas nunca vai receber dinheiro. Ele ganha apenas em fichas para retroalimentar o game e continuar jogando”.

O sucesso do bingo online

Pedro e seu sócio, Johnatan Canal, trabalham com o game há anos, desde quando ainda era legalizado no Brasil. Na época, conduziam um bingo online.

Quando a lei que proibiu o bingo no Brasil foi sancionada em 2009, foi preciso vender a empresa. Três anos depois, passaram a desenvolver o jogo para Facebook.  “Começamos a desenvolver em maio ou junho e lançamos o Praia Bingo em dezembro de 2012. É o nosso principal jogo”, conta Pedro.

Bingo Online

Foto: Divulgação

A ideia inicial era que os jogadores partissem em uma viagem pelas praias do Brasil. A primeira foi a Praia do Rosa, em Imbituba (SC). Aos poucos, foram acrescentando novos pontos no litoral. Hoje, o jogo tem mais de 18 praias, que funcionam como salas de jogos.

“Desde então colhemos só bons frutos. Nos primeiros meses de crescimento o jogo engrenou e conquistou engajamento: os jogadores instalavam e continuam jogando”, relembra Pedro. As métricas favoráveis permitiram que os sócios continuassem investindo. Hoje, o Praia Bingo está traduzido para mais de 15 línguas e pode ser jogado em inglês em locais onde ainda não há tradução, como a Rússia.

Os sócios também se preocuparam em adicionar praias de outros países, como México, Itália e França. “A ideia inicial era criar um jogo brasileiro no Facebook, mas depois que lançamos fomos abrindo a cabeça”, conta. “Recebemos feedbacks e tivemos insights. O jogo poderia ser traduzido e trabalhado em outras geografias”, completa.

No final de 2013, Pedro e Johnatan lançaram o Praia Bingo para iOS. Na sequência, para Android. Hoje, boa parte do faturamento vem de smartphones, ainda que o Facebook represente uma parcela considerável.

Bingo online para mulheres acima dos 45 anos

O público do bingo online é o mesmo que jogava em eventos de bairro. Pedro conta que 70% dos seus jogadores são mulheres acima dos 45 anos. “Existe uma demanda reprimida. De alguma forma, elas aguçam a demanda online. Então com certeza nos beneficiamos desse público que não consegue sair para jogar bingo fora de casa”, diz.

Bingo Online

Foto: Divulgação

O Praia Bingo tem um diferencial que provavelmente é o responsável por tanto sucesso entre mulheres acima dos 45 anos. Cada praia é uma sala de bingo e é possível “comprar” cartelas para várias rodadas, nas quais os usuários conversam em um chat.

A marcação das cartelas é automática, ou seja, os jogadores não precisam prestar atenção aos números para preencher as fileiras. Portanto, têm tempo de sobra para botar o papo em dia com os outros usuários.

O Praia Bingo também oferece um moderador. A startup tem mais de 15 funcionários, em cinco línguas diferentes, que se dedicam a conversar com os jogadores nos chats. Eles acabam criando vínculos com os usuários mais fiéis, que contam novidades e problemas sobre suas vidas.

“É um jogo multiplayer, às vezes tem 50, 60 jogadores em uma sala de chat conversando. Em português, temos quase 24 horas de moderação”, revela. “Por exemplo, uma mulher tem 55 anos, é viúva, os filhos já são casados, ela vive sozinha e sai pouco de casa. No jogo, conhece pessoas que estão em situações similares. Faz amizades, conhece gente diferente e tem um moderador com quem ela conversa e compartilha suas coisas”, completa.

Para Pedro, os chats funcionam como a vida social de muitos dos jogadores, suprindo carências emocionais e afetivas. “É meio que um trabalho de psicólogo. O moderador está ali para ouvir alguma lamentação, algo que aconteceu, para a pessoa desabafar”, conta. “Mas ele não está ali só para isso. O objetivo da moderação é propor um ambiente diferente no chat”, afirma.

Casino Magic

O público-alvo do Praia Bingo é completamente diferente do Casino Magic, outro jogo desenvolvido pela Pipa Studios. Homens adultos mais novos formam a principal parcela dos usuários. O game simula a famosa máquina de slots, na qual  o jogador coloca uma moeda e puxa uma espécie de alavanca. Se as figuras nos rolos forem iguais, ganha mais.

A versão de slots desenvolvida pela Pipa Studios também é legalizada e não envolve aposta de dinheiro, assim como o Praia Bingo. O game, famoso nos Estados Unidos, não teve o mesmo desempenho no Brasil, onde o bingo é o queridinho de quem gosta de jogos de azar. No geral, os países latinos concentram os fanáticos pela atividade.

Pedro conta que o mercado de bingo online poderá sofrer uma reviravolta em breve. Há dois projetos de lei em tramitação que discutem a legalização dos jogos de azar no Brasil. “O nosso feeling, pelo que ouvimos e estamos acompanhando é que há uma grande chance de legalizar novamente”, opina. “Não sabemos em qual momento, mas vai ser legalizado, provavelmente com outras leis, normas e padrões. Mas a tendência é que reabra”, finaliza.

Gostou deste post? Que tal compartilhar:
ESCOLHA DO EDITOR
Últimos
Trend Tags
Array ( [0] => 205 [1] => 76 [2] => 12 [3] => 237 [4] => 97 [5] => 249 [6] => 222 [7] => 62 [8] => 157 [9] => 276 [10] => 259 [11] => 86 [12] => 267 [13] => 94 [14] => 68 [15] => 16 [16] => 167 [17] => 115 [18] => 186 [19] => 17 [20] => 102 [21] => 173 [22] => 238 [23] => 175 [24] => 92 )
Vídeos
Copyright © 2016 Free the Essence