Por que a Etiópia é uma das economias mais promissoras da África
etiópia_capital
Adis Abeba, capital da Etiópia. Foto: Istock/Getty Images
Nova Economia > Modelos Disruptivos

Por que a Etiópia é uma das economias mais promissoras da África

Kaluan Bernardo em 15 de julho de 2016

Se outrora a Etiópia era um dos países mais pobres da África e um dos mais miseráveis do mundo, hoje é uma das economias mais promissores do continente — mostrando que qualquer região pode, com estratégia e tempo, mudar sua perspectiva.

Entre 2004 e 2014 o PIB da Etiópia cresceu em média 8% ao ano. É uma década de crescimento estável e acelerado. Para efeito de comparação, o crescimento médio do Brasil na mesma época ficou na média de quase 4%.

Um estudo sobre políticas de transformação industrial na África, feito pela ONU, e repercutido pelo site The Conversation, diz que a Etiópia deverá se tornar uma potência em produção de baixa tecnologia, como hoje é a China e o Vietnã. Além disso, o relatório ressalta a produtividade do país em manufatura, construção e agricultura. Veja alguns dos pontos que fazem da Etiópia um país do futuro segundo a ONU:

Fatores que fazem da Etiópia uma crescente economia na África

Educação e infraestrutura

carros na rua e prédios da capital da etiópia

Capital da Etiópia, Adis Abeba. Foto: Istock/Getty Images

Os autores do estudo destacam os investimentos da Etiópia em educação. Se o número de jovens matriculados em escolas era abaixo de 20% em 1990 em 2012 chegou a 92%. E se na época existia apenas uma universidade por lá, hoje são mais de 30.

A infraestrutura também recebeu bastante investimento, principalmente em transporte e geração de energia. Em 1997 eram 26.550 km de estradas, enquanto em 2011 já eram 53.997 km.

O país também está construindo a Grande Barragem Renascença, uma das mais ousadas e controversas do continente. Por um lado ela promete quadruplicar a geração de energia no país e gerar 6 GW de energia. Por outro, deverá diminuir o fluxo do rio Nilo para o Egito e o Sudão — o que gerou tensão e até ameaças de guerra com o Egito.

Cimento e flores

flores amarelas em cima de montanha

Montanha Simien. Foto: Istock/Getty Images

Desde 1999, quando teve um crescimento no setor de construção, a Etiópia tem produzido o dobro de cimento que a média mundial. Consequentemente, tornou-se a terceira maior produtora do material no continente africano. Parte se deve justamente aos investimentos em energia e transporte.

Crescimento semelhante tem o setor de floricultura. Em 2003 e 2004, o país exportava três toneladas de flores. Em 2011 e 2012, o número chegou a 50 mil toneladas. A geração de empregos no setor também cresceu: foi de 25 mil em 2007 para 50 mil em 2012. Setores de horticultura, logística, transporte aéreo e empacotamento cresceram na esteira da floricultura.

Agora a Etiópia quer crescer também no setor têxtil e criar produtos de couro. Parte disso vem de suas fortes relações nos setores agrícolas, principalmente na produção de algodão.

Leia também:
Como a África pode se tornar o maior polo de energia limpa do mundo
6 mulheres negras que lideram a revolução digital na África

Combinação equilibrada entre estado e mercado

Os autores do estudo ressaltam o equilíbrio entre intervenção estatal e forças do mercado. Meles Zenawi, que foi primeiro ministro do país entre 1995 e 2012, é tido como um político que ofereceu infraestrutura básica e serviços, mas também criou um bom ambiente para o setor privado se desenvolver.

Hoje a Etiópia tem planos de desenvolvimento industrial focando principalmente nas indústrias de manufatura. Uma das principais apostas da Etiópia é semelhante à da China: baratear sua mão de obra para atrair indústrias. O país ainda tem dois bancos públicos que oferecem créditos para tais empresas. Por enquanto, bancos estrangeiros não são permitidos no país.

Gostou deste post? Que tal compartilhar:
Últimos
Trend Tags
Array ( [0] => 76 [1] => 222 [2] => 237 [3] => 115 [4] => 17 [5] => 238 [6] => 92 [7] => 125 [8] => 173 [9] => 16 [10] => 276 [11] => 157 [12] => 25 [13] => 66 [14] => 67 [15] => 62 [16] => 153 [17] => 127 [18] => 12 [19] => 19 [20] => 187 [21] => 69 [22] => 154 [23] => 172 )
Vídeos
Copyright © 2016 Free the Essence