QuintoAndar facilita a burocracia para alugar apartamento
Foto: Istock, Getty Images
Uma das principais vantagens do serviço: seguro fiança gratuito e facilidade para alugar apartamento.
Nova Economia > Modelos Disruptivos

QuintoAndar quer facilitar a burocracia do aluguel

Camila Luz em 17 de abril de 2016

Alugar um apartamento pode ser um processo desgastante. Além de esbarrar em muita burocracia, o locador ainda precisa dispor de tempo para procurar o imóvel ideal e negociar as condições. Muitas vezes, esse tempo é escasso para quem tem uma rotina intensa. O QuintoAndar quer tornar esse processo mais prático.
A filosofia adotada pela empresa se assemelha a de sites como Airbnb e Uber. Todo o processo é viabilizado pela tecnologia, eliminando pequenas burocracias. O cliente domina boa parte do processo e recebe as informações de maneira clara e direta, o que aumenta a fidelidade ao site. Por enquanto, o QuintoAndar funciona apenas em São Paulo e Campinas. O objetivo, no entanto, é crescer por todo o Brasil.

 

Como funciona

O locador faz tudo pela internet, enquanto o locatário só precisa sair de casa para comparecer à visita. O dono da casa cadastra seu imóvel no site e, logo depois, o QuintoAndar envia um fotógrafo profissional ao local, garantindo fotos de qualidade. Todos os detalhes, como número de cômodos, mobília, localização e o que o condomínio oferece são colocados online para que o inquilino possa avaliar se o espaço atende suas expectativas. Caso isso aconteça, basta agendar um horário para conhecer o lugar.

Os corretores recebem a notificação do agendamento e acompanham a visita. A próxima etapa é a negociação, que ocorre de forma objetiva e online, pela troca de e-mails entre locador e locatário. Fechando o negócio, quem alugou pode ficar um pouco tranquilo: o QuintoAndar garante o seguro-fiança gratuitamente.

A maior parte das imobiliárias exigem que o fiador já tenha propriedade na mesma cidade e comprove renda. Na QuintoAndar, o cliente se livra da necessidade de fiador – provavelmente uma das maiores dificuldades para quem deseja alugar imóvel.

A startup também é responsável por gerenciar o pagamento e o contrato do aluguel, condomínio e IPTU, que são cobrados de uma só vez do inquilino.

Há vantagem também para o corretor, que não gasta tempo com captação de fotos, agendamento de visitas e negociação do contrato. Tudo o que ele faz é visitar o imóvel com o possível locador. O contrato é feito por assinatura eletrônica, certificado por uma empresa, que armazena o documento e garante a sua legalidade. Não há a necessidade de formalização em cartório.

Como surgiu

A startup foi criada em 2012 por Gabriel Braga e André Penha, com o objetivo de desburocratizar o aluguel. “Pensamos em criar uma plataforma que resolvesse e simplificasse o problema do início ao fim”, conta Gabriel. Os dois fundadores já foram vítimas desse processo complexo e demorado em Campinas e em São Paulo.

Gabriel sofreu com a falta de informações online para alugar um apartamento na capital paulista, além de esbarrar no problema da falta de fiador. Já André viu seu imóvel em Campinas ficar vazio por meses. Quando tomou a frente do processo, conseguiu um locatário em menos de duas semanas.

Quando estudaram MBA na universidade de Stanford, na Califórnia, foram estimulados pelas empresas inovadoras presentes na região, como Instagram e Google. Juntos, decidiram pensar em uma maneira de inovar o mercado imobiliário brasileiro.

Crescimento acelerado

A crise política e a recessão econômica, combinadas a ofertas com preços valorizados, causaram uma intensa diminuição nas vendas de imóveis no Brasil. Esse é um ponto positivo para uma startup cujo foco é o aluguel. “Diante do preço salgado para compra, os clientes acabam optando pela locação. Além disso, em tempos de crise, é preferível manter o dinheiro no banco do que aplicado num imóvel. Assim, está reservado para emergências futuras”, opina Gabriel.
Hoje, o QuintoAndar fecha mais de mil contratos por mês. A empresa lucra da mesma maneira que uma imobiliária: cobra 100% do primeiro aluguel + 8% ao mês por taxas administrativas. Essas taxas cobrem os serviços prestados pela empresa, como cobrança do aluguel, garantia do recebimento e mediação em casos de eventuais problemas.

Em 2016 a startup recebeu um aporte de US$ 7 milhões em sua rodada de investimento “Série A” (primeira rodada de investimentos para uma empresa que já está consolidada no mercado e busca ampliar a sua distrubuição), liderado pela Kaszek Ventures.

Outros sites buscam o mesmo tipo de cliente, como o ZAP Imóveis e o ViVaReal. No entanto, funcionam como classificados, limitando-se a mostrar as opções disponíveis. Já o QuintoAndar cuida de todo o processo, desde a busca pelo imóvel até o fechamento do contrato e o repasse do dinheiro do aluguel para o proprietário. Hoje, a plataforma oferece todos os tipos de imóveis, desde kitnets em bairros simples até apartamentos luxuosos. Por enquanto, o limite de preço para o é aluguel R$ 8.500. Gabriel Braga, porém, garante que em breve esse teto será aumentado.

Você usaria um site de aluguel de imóveis que torna todo o processo mais prático e agradável?

 

QuintoAndar
Startup brasileira que usa tecnologia e design para simplificar a locação de imóveis residenciais.
São Paulo, SP
BR
Gostou deste post? Que tal compartilhar:
Últimos
Trend Tags
Array ( [0] => 76 [1] => 222 [2] => 237 [3] => 115 [4] => 17 [5] => 238 [6] => 92 [7] => 125 [8] => 173 [9] => 16 [10] => 276 [11] => 25 [12] => 157 [13] => 66 [14] => 67 [15] => 62 [16] => 153 [17] => 127 [18] => 12 [19] => 19 [20] => 187 [21] => 69 [22] => 154 [23] => 175 )
Vídeos
Copyright © 2016 Free the Essence