França é o primeiro país a banir copos e pratos descartáveis de plástico
descartáveis
Foto: Istock/Getty Images
Sustentabilidade > Negócios

França é o primeiro país a banir copos e pratos descartáveis de plástico

Pedro Katchborian em 20 de setembro de 2016

A França deu um passo importante  que pode ajudar o meio ambiente e contribuir para a sustentabilidade. O país europeu foi o primeiro a banir os copos e pratos descartáveis, recurso muito utilizado por empresas e outros estabelecimentos e, ocasionalmente, por pessoas em festas.

copo descartável com chá gelado e canudo verde

Foto: Istock/Getty Images

De acordo com a Associated Press, a lei foi passada em agosto de 2016, mas o comércio tem até 2020 para se adaptar. A lei diz que todos os copos, pratos e talheres descartáveis deverão ser feitos de material biodegradável.

A França já havia banido as sacolas plásticas em julho de 2016 — o que outros países já haviam feito — mas o país é o primeiro a ter banido os descartáveis de plástico.

Ainda segundo a AP, organizações ecológicas estão elogiando a medida, esperando que ela possa ser replicada em outros países. Já empresários do ramo criticaram, dizendo que afeta os consumidores e viola até as regras da União Europeia.

Um exemplo é a Pack2Go Europe, empresa belga que está representando várias companhias europeias. Com receio de que a medida chegue em outros países, a empresa disse que vai lutar. “Nós estamos apelando para a Comissão Europeia fazer a coisa certa e ter uma ação legal contra a França por infringir as leis europeias”, disse Eamonn Bates, secretário geral da Pack2Go na Europa.

Leia mais:
MateriaBrasil, o design sustentável e a biblioteca de materiais conscientes
5 dicas de ouro para reciclar lixo em casa

Outro argumento dos opositores é que a medida é anti-social, já que impede que famílias que estão com problemas financeiros possam usar os descartáveis. O grande objetivo do banimento dos descartáveis é reduzir a energia e o desperdício pela indústria do plástico, além, é claro, de diminuir a poluição causada pelos descartáveis.

O impacto dos descartáveis na natureza

copos descartáveis na grama

Foto: Istock/Getty Images

Alguns dados do Programa Ambiental da ONU indicam que os produtos plásticos (sacos, garrafas, embalagens de comida, copos e talheres) são a grande parte do lixo do oceano. Em certas regiões, o material pode corresponder a 80% do lixo do mar. Além disso, há pesquisas que relacionam os copos e o câncer: o estireno liberado quando os copos são aquecidos pode ajudar no desenvolvimento da doença.

No Brasil, o problema está mais relacionado a reciclagem. Embora algumas empresas tenham locais apropriados para jogar o copo fora, boa parte deles acaba indo para aterros sanitários, o que pode ser prejudicial ao meio ambiente. O Brasil produz cerca de 96 mil toneladas de descartáveis, considerando apenas os copos.

Além dos descartáveis: a França e o meio ambiente

A França tem mostrado cada vez mais estar na vanguarda quando o assunto é preocupação com o meio ambiente. Além do banimento de copos, pratos e talheres descartáveis feitos de plástico, o país também tomou medidas contra o desperdício de alimentos.

Foi na terra da Torre Eiffel que outra lei inédita foi sancionada: desde fevereiro de 2016, supermercados da França estão impedidos de jogar comida fora. Agora, os estabelecimentos precisam doar a comida desperdiçada para instituições.

Desde então, os responsáveis pela lei buscam expandi-la para toda a União Europeia. “A batalha só está começando. Agora precisamos lutar contra o desperdício de comida em restaurantes, padarias e cantinas de empresas e colégios”, disse o responsável pela lei, Arash Derambarsh.

Gostou deste post? Que tal compartilhar:
Últimos
Trend Tags
Array ( [0] => 76 [1] => 222 [2] => 237 [3] => 115 [4] => 17 [5] => 238 [6] => 92 [7] => 125 [8] => 173 [9] => 16 [10] => 276 [11] => 25 [12] => 157 [13] => 66 [14] => 67 [15] => 62 [16] => 153 [17] => 127 [18] => 12 [19] => 19 [20] => 187 [21] => 69 [22] => 154 [23] => 175 )
Vídeos
Copyright © 2016 Free the Essence