Dicas para treinar o cérebro e cumprir suas resoluções de ano novo
resoluções de ano novo
Foto: Istock/Getty Images
Unplug > Corpo e Mente

Dicas para treinar o cérebro e cumprir as resoluções de ano novo

Camila Luz em 12 de janeiro de 2017

Resoluções de ano novo frequentemente incluem objetivos como ler mais, viajar bastante e adotar uma rotina saudável. Não falta esperança para o ano que se inicia. Mas seja sincero: assim que passa a virada, você esquece onde colocou sua listinha e só recupera aquele papel quando dezembro chega novamente.

As resoluções geralmente não são cumpridas porque pessoas são vagas em seus objetivos. Elas prometem dormir melhor, mas não estabelecem como vão fazer isso. Dizem que vão ler mais, mas continuam sem paciência para terminar um livro que acaba intocado na mesinha de cabeceira por meses à fio.

LEIA MAIS
Como o novo mapeamento do cérebro muda o futuro da neurociência
LEIA MAIS
Upload de conteúdo para o cérebro: ficção ou realidade?

Mas em 2017 há uma real chance de fazer diferente e cumprir as resoluções de ano novo que você adotou. No ano passado, a neurociência mostrou que há formas de treinar o cérebro para ficar focado, ser mais criativo, aprimorar a memória e tomar decisões melhores.

O site Fast Company listou uma série de práticas que podem te ajudar a cumprir sua lista de resoluções de ano novo, tornando-se alguém melhor em 2017.

Como cumprir sua resoluções de ano novo

Como aprender mais

Os autores Judah Pollack e Olivia Fox Cabane usaram uma metáfora de jardinagem para explicar como certas células cerebrais agem como uma equipe de paisagismo, podando, removendo ervas daninhas e cultivando sinapses para que funcionem melhor. Elas desperdiçam conexões sinápticas não utilizadas para abrir espaço para mais aprendizado.

Assim, os autores nos lembram que é importante escolher os pensamentos sabiamente: quanto mais você pensa sobre algo, mais vai forçar certas conexões, diminuindo a probabilidade de que serão podados. Por exemplo, se entrar em uma briga no trabalho, não gaste seu tempo tramando vingança. Use-o para pensar em como se tornar um profissional ainda melhor.

Como dormir melhor

Toda a jardinagem praticada pelas células acontece enquanto estamos dormindo. O sono, portanto, é uma das principais chaves para o aprendizado. O problema é que provavelmente não estamos dormindo o suficiente. Segundo a Fast Company, um estudo recente mostrou que ter apenas seis horas de sono pode ser tão ruim quanto ficar acordado a noite toda.

Os especialistas recomendam que haja espaço para hábitos saudáveis na hora de dormir, como ir para a cama na mesma hora todas as noites, manter o clima do quarto agradável, limitar a quantidade de álcool antes de deitar e guardar dispositivos eletrônicos pelo menos meia hora antes.

Como confiar nos seus instintos

Estudos recentes mostraram que confiar em seus instintos, em conjunto com considerar os fatos com cuidado, pode melhorar sua tomada de decisão. Instintos podem ser realmente valiosos, desde que você os mantenha em equilíbrio.

Para aproveitar melhor o poder de decisão de seus instintos, a treinadora de desenvolvimento profissional Hana Ayoub enfatiza a importância de reservar algum tempo para refletir. “Por exemplo, diga às pessoas: ‘eu preciso pensar sobre isso, e te respondo amanhã’. Comece a construir esse tipo de resposta em suas conversas, especialmente com as pessoas com quem você convive mais”, aconselha.

Como aprender mais rápido

Mudanças simples podem trazer grandes diferenças, e isso também serve para o aprendizado. Dominar algo que requer habilidades motoras, por exemplo, é mais fácil quando mudamos a maneira como estamos nos movendo através do exercício, ao invés de simplesmente repeti-lo exatamente da mesma maneira várias vezes.

Mudar perspectivas também ajuda. Tente “ensinar” para outra pessoa o que você quer aprender. O ato de explicá-lo poderá realmente solidificar esses conceitos na sua cabeça.

Como se focar melhor

Você já sabe que aprender e lembrar requer foco. O problema é que seu cérebro adora vagar e viajar na maionese. Uma chave para melhorar a concentração é desistir de ser multitarefa. Dê atenção para as tarefas que realiza, aprenda a destilá-las e resumi-las. A energia mental que você economiza poderá ser usada para aguçar as habilidades analíticas no processo.

Como sair do piloto automático e “partir para a ação”

Resoluções de ano novo geralmente trazem a promessa de escapar das armadilhas do passado para obter sucesso. Mas no calendário, o dia 1º de janeiro é o único que pode te estimular para a ação. Nosso cérebro trabalha com “pontos de pivô”, como o primeiro dia do mês ou qualquer segunda-feira. No Google, por exemplo, há mais gente pesquisando por “parar de fumar” ou “dieta” nesses dias.

Mas é possível treinar seu cérebro para aproveitar esse impulso em qualquer dia da semana. Uma saída é olhar para o fluxo de dias de outra forma, sem dar atenção aos picos. Assim, é possível tomar consciência das escolhas importantes que precisam ser feitas e, em seguida, fazê-las.

Como ser mais criativo

Você sabia que aquela ideia genial, o momento “Eureka!”, frequentemente aparece quando estamos nos ensaboando no chuveiro? Segundo a Fast Company, 72% das pessoas em uma pesquisa afirmam que isso já aconteceu com elas.

No entanto, a ciência também mostra que as descobertas criativas podem acontecer quando estamos apenas sonhando ou passando um tempo sozinhos. A solidão parece ser útil quando o objetivo é ter ideias criativas, então, aproveite.

Gostou deste post? Que tal compartilhar:
ESCOLHA DO EDITOR
Últimos
Trend Tags
Array ( [0] => 205 [1] => 76 [2] => 12 [3] => 237 [4] => 97 [5] => 249 [6] => 222 [7] => 62 [8] => 157 [9] => 276 [10] => 259 [11] => 86 [12] => 267 [13] => 94 [14] => 68 [15] => 16 [16] => 167 [17] => 115 [18] => 186 [19] => 17 [20] => 102 [21] => 173 [22] => 238 [23] => 175 [24] => 92 )
Vídeos
Copyright © 2016 Free the Essence