15 melhores bares com karaokê em São Paulo
karaokê
Foto: Istock/Getty Images
Unplug > Escapadas Urbanas

15 bares com karaokê em São Paulo

Camila Luz em 12 de setembro de 2016

São Paulo, uma das maiores metrópoles do mundo, é cheia de opções de entretenimento para todos os gostos. Há bares para quem curte sertanejo na Barra Funda, música ao vivo no Itaim, baladas underground na Augusta e bares hipster na Vila Madalena. Mas o rolê que une todo mundo e é procurado por praticamente qualquer paulistano é o karaokê.

LEIA MAIS
4 bares e restaurantes geek em São Paulo
LEIA MAIS
Restaurantes, bares e bibliotecas se tornam coworking

Reunir amigos para passar vergonha em bares que oferecem karaokê em São Paulo é fácil. Eles estão espalhados por toda a cidade e oferecem pelo menos a lista clássica de músicas, que inclui “Wannabe”, das Spice Girls, “Menina Veneno”, do Ritchie, “Evidências”, do Chitãozinho e Xororó e “Pintura Íntima”, do Kid Abelha. Vai dizer que você nunca cantou alguma delas? Veja nossa lista com os karaokês imperdíveis para frequentar em São Paulo.

Bares com karaokê famosos em São Paulo

Tequila’s

O bar diz ter o “maior acervo de músicas do estado de São Paulo” e pode ser boa opção para quem quer fugir dos clichês. O local é todo iluminado por luz azul, para dar o clima intimista de show acústico dos anos 90. E tem um palquinho para você chamar de seu. Para comer, porções de boteco e comida japonesa. Para beber, tequila, é claro.

Onde fica: Rua da Glória, 543 – Liberdade

Chopperia Liberdade

Outro karaokê clássico do bairro da Liberdade, a Chopperia é famosa por ser frequentada por figuras como o japonês vestido de Elvis, que dá show no palquinho todo final de semana.

A decoração é divertida: muitos penduricalhos no teto e luzes no palco, deixando o ambiente bastante colorido. O karaokê tem variedade vasta de músicas: desde clássicos do sertanejo até hits de artistas pop atuais. Como o bar é grande, é preciso chegar cedo para entrar na fila e cantar o maior número de vezes possível.

No cardápio, porções e culinária japonesa, mas pratos mais ocidentais como espetinhos. Ao fundo há também outras opções de lazer como mesas de sinuca.

Onde fica: Rua da Glória, 523 – Liberdade

Vivos

Na frente do metrô Sumaré, o karaokê Vivos é boa opção para comer lanches por bom preço e cantar muitas vezes. Como é menor do que a Chopperia Liberdade, a disputa pelo karaokê é menos acirrada. Mas não é menos divertida: quem sobe ao palco é acompanhado pelo público, que costuma cantar as músicas em coro. A curiosidade sobre o bar é o próprio nome. Se chama “Vivos” porque fica em frente ao Cemitério Araçá, na Avenida Dr. Arnaldo.

Onde fica: Av. Dr. Arnaldo, 1215

Siga la Vaca

Se sua intenção é comer bem e ter uma salinha de karaokê privada só para você e seus amigos, este é o seu lugar. São três salas de karaokê com isolamento acústico. A disputa é acirrada e é preciso reservá-las antes. A casa também tem salão para eventos, como festas de aniversário e happy hour. No cardápio, o prato principal é a parrillada, tipo de churrasco famoso no Uruguai e na Argentina.

Onde fica: Rua Canuto do Val, 97 – Santa Cecília

Yellow K

Localizado no Itaim, o Yellow K tem ambiente sofisticado e intimista, ideal para estender encontros profissionais ou levar o novo date para conhecer os amigos. A casa tem três ambientes privados próprios para festinhas ou pequenas reuniões. O karaokê fica em um quarto ambiente, onde há um bar e clima de showzinho privado.

Onde fica: Rua Professor Atílio Innocenti, 43 – Itaim

TEX Redneck Bar

No TEX, o karaokê é apenas uma das opções de entretenimento da noite. O local é inspirado nos bares americanos sulistas e de fronteira entre Estados Unidos e México, com decoração à la anos 40 e rock na trilha sonora. Além do karaokê, há pistas de boliche, mesas de sinuca, pista de dança, comida típica americana e muitos drinks.

Onde fica: Rua Augusta, 1053 – Bela Vista

Karaokê Box Porque Sim

Se você prefere esconder o seu talento e cantar em privacidade, vá a esse karaokê na Liberdade. Ele tem cabines privadas para que os clientes possam dividir o microfone apenas com seus amigos. O local também traz um diferencial no cardápio: diferentes receitas do prato japonês Lamen.

Onde fica: Rua Tomaz Gonzaga, 75 – Liberdade

Karaokê Paulista

Outra opção para quem deseja cantar em privacidade. O karaokê fica perto da Avenida Paulista (e de muitos metrôs!) e traz salinhas particulares com capacidade para até 30 pessoas. Pode ser boa opção para comemorar aniversários, por exemplo. O estabelecimento também serve porções de salgadinhos de festa.

Onde fica: Rua Manoel da Nóbrega, 175 – Paraíso

Coconut

Na região central de São Paulo fica Coconut, um karaokê com 14 salas individuais para qualquer dia da semana: a casa abre de segunda a domingo, 365 dias por ano.

O restaurante é variados, com lanches, espetinhos e doces. É possível reservar horários em mesas e salinhas.

Onde fica: Rua Canuto do Val  – Santa Cecília

Samurai

O restaurante se classifica como um dos destaques da gastronomia oriental paulistana. Localizado na Liberdade, é tradicional tanto pelo cardápio, quanto pelo karaokê.

Não há salinhas particulares: todo mundo apresenta seus dons musicais em um palco compartilhado. O ponto positivo é que o cardápio de músicas é vasto e inclui canções inusitadas. É possível reservar mesa.

Onde fica: Rua da Glória, 608 – Liberdade

Arte Pizza

Localizado no centro de São Paulo, o estabelecimento é recente — o espaço foi inaugurado em março de 2016. Enquanto espera para cantar, você pode comer uma pizza e pedir uma bebida. Não há salas individuais e é necessário consumir para poder cantar.

Nas madrugadas, o espaço costuma ser mais agitado e funciona como uma festa.

Onde fica: Rua Nestor Pestana, 237

Graffiti Videoke Bar

Inaugurado há cerca de um ano e vizinho do Arte Pizza, o descolado Graffiti Videoke Bar é outro karaokê próximo a Praça Roosevelt. A diferença entre o concorrente é que se paga para entrar: R$ 10.

Entre as músicas cantadas pelos públicos um DJ anima a casa, que também vira uma balada. Não tem sala individual.

Onde fica: Rua Nestor Pestana, 255

B Music Bar

O B Music Bar fica no lugar do antigo Dinossauros Rock bar. A grande diferença do espaço é que quem se arriscar no microfone pode ter uma experiência mais próxima de um cantor profissional, já que nos dias de karaokê há sempre uma banda. Nas noites de sábado, por exemplo, é possível escolher entre uma das músicas disponíveis no setlist da banda para cantar.

Não há sala individual e o preço de entrada é de R$ 30. Nos outros dias da semana o espaço recebe shows de bandas dos mais variados estilos de rock.

Onde fica: Rua dos Pinheiros, 518

Izakaya Karaokê Dancing

Ao lado da tradicional Choperia Liberdade, o Izakaya Karaokê Dancing foi inaugurada no final de 2016. O preço para entrar é de R$25, mas o cliente ganha um prato da culinária japonesa a sua escolha e pode cantar quantas músicas quiser.

Sem sala individual, o espaço oferece músicas orientais, nacionais e dos Estados Unidos.

Onde fica: Rua da Glória, 515

Terraço Club

O Terraço Club é mais moderno na hora de escolher as músicas. As canções são escolhidas a partir do YouTube — qualquer música com uma versão instrumental na plataforma pode ser cantada. Não há sala individual e paga-se R$10 para entrar.

Onde fica: Rua Frei Caneca, 914.

Gostou deste post? Que tal compartilhar:
Últimos
Trend Tags
Array ( [0] => 237 [1] => 205 [2] => 76 [3] => 222 [4] => 157 [5] => 12 [6] => 249 [7] => 94 [8] => 97 [9] => 267 [10] => 68 [11] => 115 [12] => 186 [13] => 17 [14] => 173 [15] => 175 [16] => 238 [17] => 62 [18] => 92 [19] => 276 [20] => 236 [21] => 25 [22] => 153 [23] => 125 [24] => 16 )
Vídeos
Copyright © 2016 Free the Essence