Mapa colaborativo mostra senhas de WiFi de aeroportos do mundo todo
senhas de Wifi
Foto: Istock/Getty Images
Unplug > Escapadas Urbanas

Mapa colaborativo mostra senhas de WiFi de aeroportos do mundo todo

Camila Luz em 12 de outubro de 2016

Quem viaja bastante de avião sabe que fazer escalas pode reduzir o preço da passagem, principalmente no caso de voos internacionais. O engenheiro e blogueiro Anil Polat encontrou solução para ajudar viajantes a matar o tédio durante as longas horas de espera: um mapa interativo que mostra senhas de WiFi de aeroportos do mundo todo.

Depender do plano de dados do celular pode ser arriscado quando o viajante vai passar muito tempo em conexão. Ele pode precisar da internet para trabalhar ou simplesmente querer se distrair assistindo a uma série, por exemplo. No entanto, nem todos os aeroportos têm WiFi gratuito e aberto. Outros, como Heathrow, em Londres, dão acesso livre por tempo limitado.

Antes de chegar ao aeroporto, vale a pena verificar o funcionamento do WiFi para evitar surpresas desagradáveis. Polat, que tem o objetivo de visitar o mundo todo e quer ajudar outras pessoas a viajar de forma prática, criou o mapa justamente para que viajantes saibam quais são suas opções antes de pousar.

Mapa colaborativo

Polat começou a registrar o funcionamento das redes de WiFi dos aeroportos por onde passava, indicando por quanto tempo davam acesso gratuito e o que era preciso fazer para acessar a internet. Muitos pedem que o usuário preencha um pequeno registro, por exemplo.

Depois, começou a incorporar senhas de salas VIP de companhias aéreas e a informar quais restaurantes e lounges oferecem acesso gratuito. O mapa foi crescendo e se tornou colaborativo: viajantes do mundo todo registram seus acessos no mapa, que é atualizado constantemente.

O mapa foi criado por Polat através do Google Maps. Basta clicar no aeroporto para ver o nome, localização de redes gratuitas e senhas. No Aeroporto de Sydney, por exemplo, há três lounges com WiFi que podem ser acessados a partir das senhas fornecidas.

WiFox: senhas de WiFi também em aplicativo

O sucesso do mapa foi tão grande que Polat acabou criando um aplicativo para iOS e Android. O WiFox é descrito como um “mapa atualizado continuamente de senhas de aeroportos e lounges do mundo todo”.

Além de permitir que viajantes atualizem e acessem senhas, o aplicativo também dá a possibilidade de avaliar os serviços. As informações ficam disponíveis offline para que os usuários possam encontrá-las sem precisar de plano de dados ou WiFi gratuito.

De acordo com o site Huffington Post, Polat disse que seu objetivo é “revelar dicas, truques e tecnologia para que todos possam viajar de forma mais inteligente”. O WiFox é pago, custa US$ 1,99 (R$6,40 na cotação atual).

Leia mais:
Como saber se você já teve alguma senha vazada na internet
Conheça o serviço de compartilhamento de WiFi que paga o dono da internet
Como instalar um roteador e configurar o WiFi da internet da sua casa

Cuidados para usar WiFi público

Antes de usar o WiFi público de aeroportos, é preciso saber que essa prática pode deixar seu computador ou celular exposto a hackers. Redes públicas não costumam ser tão bem protegidas quanto privadas e, por isso, é melhor evitar o acesso a contas de banco e outras informações que possam trazer algum tipo de prejuízo.

Nesta matéria, Rodrigo Paiva, gerente de produto da D-Link, explicou ao Free the Essence quais são os riscos de usar WiFi público e como o usuário pode se proteger.

Gostou deste post? Que tal compartilhar:
Últimos
Trend Tags
Array ( [0] => 76 [1] => 222 [2] => 237 [3] => 115 [4] => 17 [5] => 238 [6] => 92 [7] => 125 [8] => 173 [9] => 16 [10] => 276 [11] => 25 [12] => 157 [13] => 66 [14] => 67 [15] => 62 [16] => 153 [17] => 127 [18] => 12 [19] => 19 [20] => 187 [21] => 69 [22] => 154 [23] => 175 )
Vídeos
Copyright © 2016 Free the Essence