Our Trans Family: projeto fotográfico retrata transgêneros e suas famílias
transgeneros-header
“For Good” Photography, Inc. foto por Meredith Watts
Unplug > Inspire-se

Our Trans Family: projeto fotográfico retrata transgêneros e suas famílias

Redação em 22 de dezembro de 2016

por Camila Luz e Pedro Katchborian

O projeto For Good Photography, uma colaboração entre os fotógrafos Jeff Pearcy, Meredith Watts e Rikki Thompson, fotografou transgêneros junto de suas famílias. O objetivo é representar a ampla gama de pessoas trans em Wisconsin, nos EUA, criando imagens de união, respeito e carinho e que captam seu valor e dignidade.

Transgênero é todo indivíduo que não se identifica com o sexo designado durante o nascimento, como os transexuais e os não-binários. Estes últimos não se identificam com nenhum dos dois gêneros e não consideram que existam apenas homens ou mulheres, negando estereótipos relacionados ao sexo biológico.

LEIA MAIS
Identidade de gênero, cisnormatividade, binarismo: entenda conceitos
LEIA MAIS
Jovem fotógrafa retrata amigos não-binários em imagens vibrantes

Ainda que os transgêneros estejam recebendo maior visibilidade e espaço na mídia, o preconceito continua muito forte e afeta todos os campos de suas vidas. Na escola, no trabalho, na rua e até em casa, podem enfrentar discriminação e violência, além de ter oportunidades cerceadas.

Parte do preconceito ainda existe pois muita gente não entende o que é ser transgênero, considera uma doença ou algo bizarro. O projeto Food Good Photography criou a série “Our Trans Family” justamente em um esforço para criar melhor compreensão da humanidade básica das pessoas trans.

“Embora a ênfase deste projeto seja mostrar o valor e a dignidade das pessoas na comunidade transgênero, não é um esforço para enfatizar a assimilação. Pelo contrário, é um esforço para mostrar como as pessoas na comunidade transgênero se expressam, e como suas famílias dão suporte, sejam biológicas ou não”, diz o site oficial do projeto.

Em entrevista ao Free The Essence, Meredith Watts contou que o projeto foi concluído rapidamente: foram seis meses e dois fotógrafos. Além do árduo trabalho com a logística das fotos e conseguir pessoas que topassem participar do projeto, ele conta que um desafio foi compreender os conceitos de gênero.

“Nós somos dois homens, heterossexuais e brancos. Não somos experts em gênero, então eles nos explicaram conceitos básicos e percepções sobre o tema. Somos extremamente gratos àquelas pessoas por aprender mais”, diz.

O principal desafio, no entanto, foi emocional. Meredith explica que o trabalho não era simplesmente encontrar as pessoas e tirar as fotos. Ele e Jeff encontravam as famílias e passavam pelo menos uma hora conversando. A carga emocional das histórias foi uma das principais dificuldades. “A cada visita nós demorávamos algumas horas para digerir e entender o que eles estavam nos passando“, diz. “Eu não esperava isso”, completa.

Houve, também, uma preocupação em ser responsável e proteger os personagens do projeto. “Como as pessoas trans são expostas a muito preconceito e violência, eles precisavam de tempo para considerar se esse tipo de exposição é segura”, completa.

Outro ponto interessante do projeto é que cada trans tinha liberdade para trazer as pessoas que consideravam da família para a sessão de fotos.

“Nós pedimos para eles juntarem quem eles considerassem da família. Seja de nascimento ou amigos”, afirma. “Com uma pessoa foi o clube de motocicleta dela, com outra foram amigos”, explica. Em um dos casos, o grupo reunido foi o SHEBA (Sisters Helping Each Other Battle Aids), uma organização de mulheres negras e trans que se consideram família.

“Our Trans Family” foi finalizado em setembro de 2016 e está exposto em galerias e organizações que apoiam questões de gênero. As fotos também estão disponíveis online.

A “For Good Photography” já investiu em outros projetos similares, com foco na representatividade. Em 2007, Jeff Pearcy produziu o “Shall Not Be Recognized”, uma exposição com 30 gravuras de casais homossexuais. As imagens foram expostas em mais de 30 instalações e CDS com o conteúdo foram distribuídos em todo o país. Veja a galeria com imagens do “Our Trans Family” abaixo.

transgeneros1

"Ela é um pai melhor como mulher do que quando era um homem" “For Good” Photography, Inc. foto por Jeff Pearcy

transgeneros2

"Mesmo como homem e agora vivendo minha vida como mulher, sempre mative minha fé em Jesus... e em Deus. Não importa o que fiz de certo ou errado, eu sempre tenho fé em Deus." “For Good” Photography, Inc. foto por Meredith Watts

transgeneros3

"Eu tive três emoções enquanto era naturalmente envenenado pela testosterona: irritado, blah ou deprimido. Agora eu sinto tudo, incluindo esperança. A alegria é uma sensação surpreendente. O estrogênio é um inferno de uma droga." “For Good” Photography, Inc. foto por Jeff Pearcy

transgeneros4

"Qualquer mudança significativa em mim é para a felicidade. deliberada e completa, e sobre a revelação do ser humano oculto que esteve dentro de mim toda a minha vida" “For Good” Photography, Inc. foto por Meredith Watts

transgeneros5

“For Good” Photography, Inc. foto por Meredith Watts

transgeneros6

"Eu nunca perguntei. Você tá feliz, pai?" "Sim, não é perfeito, mas sou livre" “For Good” Photography, Inc. foto por Jeff Pearcy

transgeneros7

“For Good” Photography, Inc. foto por Jeff Pearcy

transgeneros8

"Eu me sinto como uma pessoa realmente feliz porque a nossa família ficou perto da minha experiência ... Conheço pessoas que perderam muito e me sinto muito feliz por não ter estado naquele barco ... Então nossa família está intacta. Tem sido um presente para mim." “For Good” Photography, Inc. foto por Meredith Watts

transgeneros9

"Eu apenas acredito que o que Deus lhe dá, ele quer que você faça o melhor com ele. E Ele me deu três filhos e eu tentei fazer o meu melhor porque uma vez que você lhes der tudo de melhor, eles podem sair e fazer uma vida espiritual para si mesmos ... Você tem que mostrar-lhes que você está orgulhoso de quem você é ... Todos nós aceitamos Janice por Janice. “For Good” Photography, Inc. foto por Meredith Watts

transgeneros10

"Às vezes a escola é um pouco desafiadora. Eu realmente gosto dos meus professores. Eles entendem coisas como eu querer ser chamado pelo meu apelido, Izzy, em vez de meu nome real, Forest. “For Good” Photography, Inc. foto por Jeff Pearcy

Gostou deste post? Que tal compartilhar:
Últimos
Trend Tags
Array ( [0] => 76 [1] => 237 [2] => 205 [3] => 97 [4] => 222 [5] => 62 [6] => 157 [7] => 276 [8] => 12 [9] => 249 [10] => 86 [11] => 94 [12] => 267 [13] => 68 [14] => 16 [15] => 115 [16] => 186 [17] => 17 [18] => 102 [19] => 173 [20] => 175 [21] => 238 [22] => 92 [23] => 236 [24] => 79 )
Vídeos
Copyright © 2016 Free the Essence